Indice del artículo
“Veja-me!”: visibilidade e reputação em redes sociais como estratégias de comunicação e incentivo para alunos de Publicidade
1. Introdução
2. A concorrência como prática educacional: aspectos de motivação e incentivo
3. Capital social, visibilidade e reputação
4. Resultados da pesquisa
5. Considerações finais
BIBLIOGRAFÍA
Todas las páginas

3. Capital social, visibilidade e reputação

Recuero mostra que os sites de redes sociais “são capazes de construir e facilitar a emergência de tipos de capital social que não são facilmente acessíveis aos atores sociais no espaço offline” (2009ª: 107). Um exemplo citado pela autora é a visibilidade dos atores na rede. Ao divulgar as equipes no email do Grupo, partiu-se do princípio de que os atores-alunos ganhariam uma visibilidade como competidores, tornando-se parâmetro para outros grupos.

A visibilidade, portanto, está relacionada ao capital social. É um valor porque proporciona que os nós sejam mais visíveis na rede e, com isso, obtenham mais benefícios, incluindo outros valores, como a reputação. Recuero aborda a noção de reputação a partir de Buskens (1998), “relacionada às informações recebidas pelos atores sociais sobre o comportamento dos demais e o uso dessas informações no sentido de decidir como se comportarão” (Busked, 1998 apud Recuero, 2009ª: 109).

Assim, a reputação seria um benefício adquirido pelos alunos a partir da visibilidade no Grupo CSF. Sendo a reputação uma necessidade do ego, para satisfazer essa necessidade foi oferecido aos alunos o incentivo da divulgação dos seus nomes no email do Grupo. O número de inscrições e os resultados da pesquisa aplicada após a concorrência ajudam a compreender os efeitos desse incentivo.